Nossa verdadeira vocação

trabalho-panta2

Nós somos uma empresa de jardinagem e paisagismo. Mas ao contrário do que o nome sugere, nosso objetivo não é cortar grama, podar arbustos e plantar flores… Esse é apenas o meio pelo qual nós exercemos nossa verdadeira vocação… Humanizar os ambientes e melhorar a qualidade de vida das pessoas.

 

Nós sabemos como a vida é corrida… São muitas horas de trabalho, reuniões, objetivos a cumprir, metas a bater, problemas para contornar, clientes difíceis para lidar. Não da para nos livrarmos disso. É o preço que se paga por viver em uma cidade grande…  Mas é possível humanizar o ambiente em que trabalhamos estudamos moramos, trazendo um pouco da natureza para esses lugares.


flor-na-mesa

 

 

Seria chover no molhado citar estudos e mostrar gráficos que comprovam os benefícios que o mínimo contato com a natureza traz. Todo mundo sabe como é revigorante  passarmos uns dias, ou mesmo umas horas em contato com a natureza (seja um parque,  praia, ou campo). Infelizmente,  a maioria das pessoas não pode “pegar um pedacinho do seu dia”, e sair para desfrutar da natureza.  Mas todos nós podemos levar um pedacinho da natureza para perto de nós.

 

trabalho-panta4

 

 

 

Executamos os seguintes serviços:

  • Jardim Vertical;
  • Plantio e Corte de Grama;
  • Poda de arbustos;
  • Controle de pragas;
  • Limpeza e adubação;
  • Montagem de vasos, jardineiras e cachepôs;
  • Poda de árvores (só com autorização da prefeitura);

 

Plantas para escritório

As pessoas sempre me perguntam, quais plantas devem colocar em seus escritórios, e como cuidar delas.  Então resolvi escrever este post.

Sabemos que as plantas fabricam seu alimento através da fotossíntese,  e para isso precisam do sol. Então, não é natural que as plantas fiquem em ambientes com pouca luminosidade como casas e escritórios.  No entanto, algumas suportam  essa condição. As mais comuns são:

Palmeira Chamaedorea: Existem  mais de 10 variedades desta palmeira,  as mais utilizadas são:  Elegans e a Seifrizi. Você pode encontrar plantas desde 60cm até 1,80m.

O solo deve ser  fértil e mantido sempre úmido

Palmeira Ráfia:   Provavelmente a planta mais  utilizada em interiores, encontradas com altura variando entre 60cm a 1,80m.  Esta palmeira é vendida por haste.  ( em SP). Manter o solo sempre  úmido.

Palmeira Licuala, esta planta precisa de bastante espaço, pois suas folhas são grandes. A planta pode chagar ate 3m.

Precisa de solo férteis, mantido  sempre  úmidos. Não resiste ao frio. Pode ficar em vasos por vários anos.

Lembre-se  as palmeiras, tem o crescimento muito lento.

Tem ainda a Jibóia, a Zamiocucas, o lírio da paz, o antúrio entre outras.

Para plantar, verifique sempre se o vaso suporta o tamanho do torrão da planta e tome muito cuidado para não quebrá-lo, pois a planta  pode morrer.

Já a rega depende de diversos fatores, tais como: Luminosidade, ar condicionado, tipo de vaso, se estiverem em vaso de barro ou de fibras vegetais, precisam de  mais regas, ao contrario dos vasos de plastico. Mas via de regra, você deve molhar uma vez por semana. Uma dica para não molhar de mais ou de menos, é colocar o dedo  na terra, ou um palito de churrasco, se sair sujo e úmido, não precisa molhar.

Também pode borrifar água nas folhas com uma gota de adubo foliar,assim as folhas ficam hidratadas e não formam pontas secas.

Um erro que vemos nas empresas, é  as pessoas molharem o cachepô de vidro todo e com isso molar as cascas de árvore,  que emboloram e  cheiram mal. Normalmente o vaso fica apenas no centro do cachepo, portanto quando for molhar, molhe só o centro.

Se sua planta estiver em vaso com prato em baixo não esqueça  de colocar areia para evitar o acúmulo de água e a dengue.

Procure sempre colocar a planta próxima a alguma janela.

Lembre de limpar as folhas para tirar o pó  pois as plantas respiram pelas folhas.

Devemos nos preocupar também com o plantio, mas isso é assunto para um outro post.

Ate mais.

Aliados no Jardim

Estes são os mais novos integrantes do meu jardim. (ou melhor, do meu matagal rsrsrsrsrsrs) muita chuva e sol, o jardim acaba virando uma verdadeira selva.

Encontramos estes sapinhos em um dia de chuva, como vários estavam

morrendo, (atropelados, pisoteados) resolvemos trazer alguns para casa. Trouxemos oito no total, e soltamos no jardim. Ficamos um bom tempo sem vê-los, e chegamos a pensar que nenhum havia sobrevivido.  Mas um dia, quando menos esperávamos, encontramos um passeando pelo quintal após uma chuva.  Agora toda noite eles saem para caçar, e a gente os vê com freqüência.

(Os sapos comem todo tipo de insetos: Moscas, baratas, pernilongos, em tempo de dengue, o sapo pode ser um grande aliado) formigas, minhocas, aranhas e lesmas.  Aqui no quintal, notei que a população de lesmas diminui bastante, graças a meus amiguinhos esfomeados. Ninguém precisa ter medo de sapo, eles não mordem, não picam, não fazem xixi nos olhos da gente, não transmitem cobreiro (sabe lá o que isso significa – mas não transmitem). Eles têm apenas duas bolsinhas com um leite venenoso, mas só vão fazer mal se você tentar come-lo. Ou apertar essas bolsinhas e depois esfregar o sapo nos olhos. Fora isso, você pode pega-los sem medo.

Deixe em paz também as aranhas e lagartixas. A grande maioria das aranhas brasileiras (principalmente as que fazem aquelas teias em forma de rede – mesmo as grandes e assustadoras) não faz mal ao ser humano, muito pelo contrario, são nossas aliadas. Aqui em casa nós seguimos a filosofia viva e deixe viver.

vejam como cresci.

Bela por uma Noite

Apenas por uma noite, ela nos presenteia com sua beleza. Os amantes da dama da noite sabem que infelizmente, temos pouco tempo para apreciá-la, pois a flor só abre a noite e pela manhã já esta fechada. Fiquei o tempo todo de olho para não perder o espetáculo que sempre vale a pena.

PLANTAS AMIGAS DO JARDIM

Algumas plantas podem nos ajudar a controlar as pragas, para isso basta plantar no jardim.

Alfavaca: O cheiro repele moscas e mosquitos, porem não plante perto da arruda.

Alho: Repelente de pragas do tomate

Alecrim: Afasta borboleta da couve e mosca da cenoura. Planta companheira da salvia.

Anis: Repele traças.

Capuchinha: Repele nematóide e insetos.  (Atrai borboletas, com isso claro as lagartas experiência própria) Mas lembre-se, sem lagartas, não tem borboletas.

Citronela: Repelente natural de pernilongos. Plante a pleno sol.

Coentro: Controla pulgões e ácaros.

Cheiro de Mulata: de aroma forte, repele insetos voadores.

Gerânio: Repelente natural de insetos. Tenha sempre no jardim embelezam e protegem.

Hortelã: Repele lepidópteros, como borboleta da couve, formigas e ratos. Pode ser plantado como bordadura de lavouras.

Manjericão: Repelente de mosca e mosquitos.

Tomilho: Afasta borboleta da couve.

Salvia: Afasta a mariposa do repolho.

Tagetes (cravo de defunto) Repelente natural de muitos insetos e protege contra nematóides.

Losna: Afasta animais da horta. Plante em vasos e coloque próximo da horta, não plante no canteiro, ela é incompatível com diversas plantas.

Alem de protegerem, algumas servem de temperos, e  ervas frescas tem outro sabor.

Mandamentos do jardinista

Passeie pelo jardim, observando todos os detalhes das  plantas. Assim fica facil ver qualquer anormalidade.

Evite utilizar veneno, sempre há  uma alternativa natural para o controle das pragas.

Mantenha suas ferramentas limpas. Elas são as  principais transmissoras de fungos e doenças entre as plantas.

A água da chuva é  a melhor para as  plantas, se possível faça a captação.

Cultive espécies em risco de  extinção.

Cultive espécies que alimentem a avifauna. Ter visitas de pássaros no jardim é  uma experiência sensacional.

Não diga que árvore faz sujeira, Restos de jardim não são lixo. Faça uma composteira se possível para produzir seu próprio adubo orgânico.

Não utilize utensílios da cozinha no jardim.

Respeite as plantas como seres vivos.



Xicara gigante para jardim

Esta chegando aos jardins, digo mercado, um vaso diferente, em formato de  xicara gigante para ser usada como cachepot, ou para plantar direto pois possui  furo para drenagem. Pode ficar no jardim ou ambiente interno. Possui pires para recolher o excesso de agua.  Produzida  em ceramica, com 28 cm de diametro.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em São Paulo, vocês podem encontra-las no Tatuapé Gardem (5591-5555). Ou em lojas da 25 de março.

Que Árvores plantar nas calçadas?

Quem vive em grandes centros urbanos como São Paulo, e Rio de Janeiro, por exemplo, sabe que a cada dia o verde esta perdendo espaço para o cinza dos edifícios. Por conta disso muita gente procura criar um pequeno oásis verde em suas casas enchendo-as com vasos de orquídeas, bromélias, antúrios, entre outras.

O grande problema é quando a pessoa resolve plantar uma árvore na calçada em frente de casa. É muito comum a gente ver nas calçada  árvores inadequadas como paineiras, seringueiras e fícus  entre outras. Essas árvores crescem demais e destroem as calçadas, muros, encanamentos de água e esgoto, e podem até mesmo fazer estragos graves na rede elétrica ou derrubar uma casa. As paineiras também podem derrubar seus frutos sobre pessoas e veículos, causando ferimentos, acidentes, e outros danos.

A escolha da espécie correta deve ser baseada em alguns aspectos práticos,  tais como: Tipo de raiz, resistência dos galhos da árvore, queda de folhas, sombreamento, obstrução da passagem, clima da região, tipo de frutos, toxidade.

Bom, mas se você não entende nada dessas coisas e não tem um especialista para lhe ajudar, vou simplificar as coisas e lhe dar algumas opções de plantas que vão embelezar sua calçada, sem lhe trazer riscos ou dor de cabeça….

A dica mais importante que podemos lhe dar é: Não vá pegando qualquer muda que lhe ofereçam.  Seja ela oferecida pela prefeitura, ou por algum garden. A prefeitura utiliza diversos tipos de arvores para diversos locais, e muitas vezes a pessoa que esta lhe oferecendo uma determinada muda, não tem conhecimento suficiente para saber se a planta é adequada ou não para uso na calçada.

 Que plantas então devo utilizar: Sempre opte por plantas de pequeno porte,  tais como Pata de vaca ,Reseda,Manacá e Quaresmeira.

Essas plantas quando adultas tem altura entre 3 e 5m,  Ou seja, não oferecem perigo a fiação, calçada, e muros.

Dica final: Se for possível, antes de comprar a planta, tire uma foto da muda, e procure na internet informações sobre ela. Compare para ver se a planta que estão te oferecendo é a mesma  que  você quer.

Lembre-se, a prefeitura provavelmente não vai interferir no plantio da árvore que você escolher para colocar em sua calçada. Mas se a sua escolha for inadequada, e você quiser cortá-la, vai ter problemas com a prefeitura.

Bromelias e a Dengue

Com a chegada do verão e as chuvas, algumas pessoas ficam com medo de manter as bromélias em casa, por causa do mosquito Aedes Aegypti,devido a  água que fica parada no centro das folhas.

Mas será a bromélia, realmente o local preferido do mosquito?

Segundo o instituto IOC (Instituto Oswaldo Cruz) não são, foram efetuados várias pesquisas no Jardim Botânico do RJ e não encontraram  nada que comprovasse essa informação. Algumas larvas encontradas pertenciam a mosquitos dos gêneros Culex e Anopheles, nativos de nossa fauna. As bromélias verificadas foram expostas a chuvas e não foram tratadas com nenhum tipo de inseticida durante a pesquisa e nem nos dez meses anteriores.

Sabe-se que o mosquito da dengue prefere água limpa e parada, e a água que fica no centro das bromélias não é considerada uma água limpa, e sim um oasis para pequenos animais, que se alimentam de possíveis larvas, diferente de pratinhos de plantas, pneus, garrafas e caixa d’águas que ficam com água limpa e parada, esses sim os locais preferidos dos mosquitos.

Para eliminar o foco da doença, cada um deve fazer sua parte, começando pelas nossas casas que são os maiores criadouros da doença.

Não precisamos eliminar as bromélias de nossos jardins, apenas tomar os cuidados necessários.  Porque como diz o velho ditado: melhor prevenir do que remediar.

Existem algumas receitas caseiras, que podem dar bons resultados.

Calda de fumo (20 gramas de fumo de rolo picado) ferva em um litro de água. (espere esfriar, claro) ou deixe de molho de um dia para o outro.

Água sanitária (uma colher de chá para 1 litro d’água)

Até a borra de café serve duas colheres de sopa para meio copo de água.

Coloque uma colher de sopa no centro das plantas (plantas, porque duvido que alguém tenha só uma kkkk)

Note que são dicas bem simples, que tem como única finalidade “sujar” a água para evitar que o mosquito fêmeo coloque seus ovos.

Repita a operação uma vez por semana, ou quando chover.

E lembre-se é crime ambiental, inafiançável, extrair ou destruir bromélias ou qualquer planta dos ambientes naturais!

Você sabia:

  • Um ovo de Aedes Aegypti pode sobreviver em ambiente seco por aproximadamente 400 dias. Se neste período ele entrar em contato com água, poderá gerar uma larva e, em seguida, o mosquito.

Vasos Vietnamita

Vasos Vietnamitas, sao lindos e caros. Como a  grana anda curta, resolvi  colocar a criatividade em ação

e  aprender fazer  um vaso parecido sem gastar muito.

eis o resultado.